Young Adult

Fazendo Meu Filme 1

Fani é uma adolescente como qualquer outra. Ou talvez não seja bem assim, considerando o fato de que ela prefere assistir filme a sair com suas amigas numa noite de domingo, ou de sexta, ou em qualquer hora de qualquer dia. Muito tímida para declarar seus sentimentos para o cara que ela gosta, assiste a todos os filmes em cartaz (mesmo que sozinha)… Bem, definitivamente, ela não é como qualquer outra adolescente. Talvez o que ela e outra adolescente tenham em comum seja a força maior de seus sonhos, a fé em um final feliz.

Um intercâmbio. É essa a oportunidade que surge na vida da Fani que muda toda a sua rotina. Novos compromissos e novas informações chegam até ela. Sentimentos desconhecidos e uma ansiedade avassaladora transformam o seu coração, fazendo-a ter consciência da coragem que o desespero nos dá.

“O que eu estou querendo te mostrar, Fani, é que você vive no mundo da fantasia. Nenhum desses amores que você acha que teve foram reais. Está na hora de você ter um amor de verdade!”  Página 225.

A Fani é o tipo de garota que não expõe os seus sentimentos e que fica vermelha quando alguém faz alguma suposição certeira a respeito deles. Ela tem a segurança de um pai superprotetor, de um melhor amigo que sempre sabe como fazê-la sorrir e de amizades que estão presentes nos momentos bons e ruins.

Ela passa momentos engraçados tanto ao lado de seus pais e irmãos mais velhos como com os amigos, e durante a leitura vemos a forma que cada relação é.

O seu melhor amigo, o Leo, cuida e lida com ela de uma forma muito especial, e isso é uma das coisas que faz a gente se apegar a história da Fani. Porque sentimos o quanto ela merece ser feliz e amada.

“Constance: Eu acho que a parte mais difícil de ser mulher é ter amigas mulheres. 
Finn: Eu acho que a parte mais difícil de ser mulher é não poder ser apenas amiga dos homens”  Colcha de retalhos.

A possibilidade de a Fani fazer intercâmbio traz expectativas para sua família, amigos, que não terminarão o Ensino Médio com ela, para ela, que não sabe o que esperar do seu destino, e para o Leo, que não sabe como lidar com o possível distanciamento.

 Fazendo meu filme 1 fala sobre os personagens de Minha vida fora de série, 1ª temporada após três anos. E, assim como anteriormente, a Paula Pimenta nos faz sentir a importância do apoio da família e dos amigos em nossas vidas.

 A diagramação é linda. Sem mas. A Paula me ganhou de primeira com essa capa. Os bilhetinhos que rolam nas aulas, os trechos e as listas de filme e músicas têm tudo a ver com a Fani, e dá uma sensação de que esse filme precisa de uma continuação.

 “Julieta: Boa noite, boa noite. Partir é um tão doce pesar, que eu diria boa noite até o sol raiar” Romeu e Julieta.

Título original: Fazendo meu filme 1: A Estreia de Fani
Autor: Paula Pimenta
Páginas: 336
Editora: Gutenberg
Edição: 16ª, 2012.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s